Fechar

Segunda sem Carne: conheça os detalhes dessa campanha mundial

Que tal começar a semana com uma mudança na dieta? É o que propõe a campanha Segunda sem Carne, criada pela organização The Mondays Campaign para conscientizar as pessoas a respeito das consequências negativas do consumo de carne no meio ambiente e na nossa saúde.

O movimento ganhou adeptos no mundo todo, incluindo o ex-beatle Paul McCartney. Aqui no Brasil, onde cresce o interesse por uma alimentação sem carne e baseada em produtos livres de origem animal, a Segunda sem Carne é considerada a de maior impacto no planeta. Acompanhe com a gente e saiba mais sobre essa campanha.

O que é a Segunda sem Carne?

A Segunda sem Carne surgiu nos Estados Unidos no ano de 2003, com o nome Meatless Monday. Desde então, foi adotada por mais de 35 países e teve grande destaque em 2009, quando o músico Paul McCartney lançou a campanha na Inglaterra. No Brasil, o lançamento também aconteceu no ano de 2009, na cidade de São Paulo.

O objetivo principal da campanha é conscientizar as pessoas sobre os impactos causados pelo consumo de produtos de origem animal, tanto no planeta, quanto na sociedade, nos animais e na saúde.

Desse modo, a Segunda sem Carne incentiva a passar um dia da semana, todas as segundas-feiras, sem consumir carne e nenhum alimento de origem animal. A intenção é que a pessoa conheça outros alimentos que nunca havia provado e apresente ao seu paladar novas texturas e sabores.

Quais são os impactos da campanha?

Para a produção de um quilo de carne são utilizados cerca de 16 mil litros de água, enquanto se utiliza menos de ¼ dessa quantidade para produzir cereais e leguminosas. E não é só isso! O aquecimento global e a devastação das florestas também estão ligados à produção da carne, já que é necessário espaço para a criação dos animais e ração para alimentá-los.

Com o baixo consumo de produtos de origem animal, os cereais, as frutas, leguminosas e fibras passam a complementar a nossa alimentação, resultando em uma dieta balanceada e mais saudável. As proteínas vegetais, como a soja e os feijões, ajudam na prevenção de hipertensão, obesidade e doenças cardiovasculares, trazendo grandes benefícios para a nossa saúde.

Como é a Segunda sem Carne no Brasil?

Desde que a campanha teve início no país, a Sociedade Vegetariana Brasileira vem trabalhando para inseri-la na vida dos brasileiros. Um exemplo disso é a introdução do cardápio vegetariano nas escolas municipais em 2011. Cerca de 1 milhão de alunos consomem desse cardápio e poupam por volta de 430 mil quilos de carne no decorrer de um ano. O melhor de tudo? Os alunos aprovam o cardápio.

Nas redes estaduais, a campanha virou realidade no ano de 2017 e alcançou 100 municípios participantes no mês de agosto do mesmo ano. No cardápio, a feijoada vegetariana com feijão preto e legumes faz sucesso. Além, é claro, do famoso arroz branco e da couve como acompanhamentos.

A campanha, porém, não se limita somente às escolas. Desde 2014, os famosos restaurantes populares que fazem parte do programa Bom Prato, por exemplo, também trocaram a proteína animal pela proteína vegetal — assim, os mais de 4 mil usuários pouparam 34 toneladas de carne no ano.

Agora que você sabe mais sobre a campanha Segunda sem Carne, que tal inseri-la em sua vida? Além dos grandes benefícios para a sua saúde, você também pode ajudar a preservar o meio ambiente. Sem falar que esse é um ótimo passo para quem está buscando uma maneira de começar uma dieta vegana. Agora, entenda as características dessa alimentação e estilo de vida no nosso post sobre o veganismo.

Comentários

Comentário

Fechar